quinta-feira, 1 de maio de 2008

Delirio
Teu corpo,
Meu desejo,
Rosa em flor,
Espiga de trigo desfolhada,
Teu corpo,
Perfume de jasmim,
Teu corpo,
Rio de desejo,
Onde me perco,
E me encontro,
Teu corpo nu,
Diante de mim,
Poente e expoente,
Indescritível a cada olhar e sentido.
Teu corpo,
É o tudo e o nada,
Teu corpo,
Flor de laranjeira,
É perfume que me estonteia,
É amargo de boca,
Teu corpo,
Ilha de encantamento,
Onde meu corpo em delírio encontra afago.


Álvaro Gonçalves

11 comentários:

Alice Matos disse...

Olá Álvaro...

Lindo poema...
Espiga de trigo, rosa, jasmim, flor de laranjeira... Ramo de aromas e cores deslumbrantes... como o desejo de um corpo que se ama...

Beijo grande para ti...

Marta disse...

Cheiros e desejos...
Sentidos....Lindo....
Também eu sinto aqui paz e amor...
Essencial para a vida e para a amizade....
Até já
Beijos, abraços e xis
Marta

Daniel Aladiah disse...

Caro Álvaro
A tua construção permanente é imagem de um carácter que apraz registar.
Um abraço
Daniel

david santos disse...

Olá, Álvaro!
Excelente poema.
Parabéns.

Isabel disse...

Lindo o poema!
É um jogo de palavras que nos "estonteia"

Bjnh

cõllybry disse...

Corpo que desenha em poesia...belo terno amigo, grata pela linda visita...

Bem ?

Doce meu beijo

Betty Branco Martins disse...

querido________Alvaro




o







perder







o







equilibrio








de.olhos.fechados









não








procurar









a.rede








cAir_____________no









mais







profundo










dos.sentires________e











vIvEr





verAmentE_________viVer









______...lindo










beijO______C_______carinhO

Um Momento disse...

Meu Querido Amigo
Lindo poema que em delirios saudáveis nos encanta
Deixo um beijo imenso no teu coração com o desejo sincero que te encontres bem
Abraço muito forte que quem te tem sempre no pensamento, no coração!!!

(*)

carla granja disse...

ola amigo Alvaro! como é lindo o poem que aqui deixas cheio de ternura e amor é um autentico delirio.
desculpa a minha ausencia ,mas so hoje me foi possivel aqui vir
com 2 meses de ferias no canada e ja tando em portugal tenho monte de assuntos a tratar
cá espero por ti meu amigo
__000000___00000
_00000000_0000000
_0000000000000000
__00000000000000
____00000000000
_______00000
_________0
________*__000000___00000
_______*__00000000_0000000
______*___0000000000000000
______*____00000000000000
_______*_____00000000000
________*_______00000
_________*________0
_000000___00000___*
00000000_0000000___*
0000000000000000____*
_00000000000000_____*
___00000000000_____*
______00000_______*
________0________*
________*__000000___00000
_______*__00000000_0000000
______*___0000000000000000
______*____00000000000000
______*______00000000000
_______*________00000
________*_________0
_________*________*bjos ,Carla Granja

margusta disse...

Querido Alvaro,
...meu anjo amigo...estou de regresso!...Não te esqueci!

Trago comigo um beijinho de saudades!


LINDO o teu poema!

nasgavetas disse...

Delicioso!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...