quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Teu corpo É desejo,
É cobra que no meu se enrola
Volúpia minha.

Teu corpo,
Prazer, satisfação,
Alegria.

Teu corpo,
Fonte onde bebo,
Onde mato minha sede.

Teu corpo,
Fonte de deleite,
Pecado meu.

Teu corpo,
Fonte de desejo,
De amor e paixão.

Teu corpo no meu,
Prazer inesquecível,
Memória inapagável.


Álvaro Gonçalves


(publicado no Recanto das Letras a 5 de Junho de 2008)

18 comentários:

Marta disse...

Há sempre prazeres e memórias que perduram...porque as vivemos com paixão e amor...
Obrigada pelo carinho...
Obrigada por estares aí...
Beijos e abraços
Marta

Eärwen Tulcakelumë disse...

Meu Anjo Amigo

Os nossos sentires sempre nos inspiram a palavras tão belas quanto essas que aqui li.
Tua passagem em meu mundo deixa um rastro de carinho.

Pérolas incandescentes de amor amigo entrego em tuas mãos.

Eärwen

Beatriz disse...

Um poema sensualmente lindo! Gosto quando postas teus poemas, pois geralmente são muito profundos e realmente sentidos.

Estive lendo a postagem anterior sobre preconceito/homossexualismo, onde expões tuas idéias. Acredito que num mundo tão cheio de violência, tão a mercê de sentimentos de vingança, de ódio, de desprezo total à vida humana, qualquer forma de amor seja válida. Convivo com amigos homossexuais que formaram casais e adotaram crianças (muitas delas sem nenhuma perspectiva de um lar decente), e formam hoje famílias onde o amor se faz presente na sua forma mais bonita. Existe respeito e dedicação, vontade de se fazerem felizes, e muitos deles que a princípio foram até rechaçados do convívio com os amigos, hoje se integram e se harmonizam, justamente por terem conquistado seu espaço na demonstração de que, quando existe o verdadeiro amor, a união maior se dá através das almas. Gostei da tua postagem, meu querido, e da resposta de muitos dos teus leitores. Nota-se que o preconceito está cada vez mais se diluindo na compreensão e no sentido do que é na verdade o ato de AMAR.

Grata pelas palavras sempre carinhosas que me deixas. Estou, aos poucos, aceitando aquilo que a vida tem para me oferecer, e tentando deixar algo de bom quando me for daqui.

Fica um mimoso raio de sol a brincar nas horas do teu domingo e um beijo no coração.

Betty Branco Martins disse...

.querido Álvaro




__________desejo____...




amOr!!!




marcando o



corpo


e____a



alma______...







.no "Fragmentos" clica no link do_____Fragmentos Betty Martins. últimas publicações" e procura o teu link



__________depois diz-me se gostaste?





beijO____C___carinhO

Anónimo disse...

acabei de enviar um comentário e só quero acrescentat que se foi como anónimo é porque não sei fazer melhor. Não só bloguista. passei por aqui quase por acaso

isabel

Beatriz disse...

Passando pra deixar-te um raio de sol brincando neste finalzinho de tarde e um beijo no coração.

Isabel disse...

Continua a ser uma delícia ler-te. É a escrita de uma pessoa que tem muito amor para dar (e receber;)) ).

Bjnh grannnnnnnnnde

Betty Branco Martins disse...

__________um beijO



meu querido amigo





com todo o carinhO








bSemana

Beatriz disse...

Passando, relendo, partindo, mas deixando um raio de luar enfeitando o teu sonhar, e um beijo, com carinho, nesse teu coração tão lindo, tão doce, tão cheio de amor.

Divinius disse...

Bonito...)

Alice Matos disse...

Sempre cheio de paixão...
Gostei...
Beijo para ti...

Marlene Maravilha disse...

O que todo mundo queria era ter a oportunidade de sentir e viver um amor desta maneira. Louvado seja Deus por permitir que o vivas e que tenhas a coragem de desfruta-lo e compartilha-lo conosco!
Beijooooooooooooooooooooo

Marlene Maravilha disse...

Oi querido!
Passei para deixar o meu carinho e desejar-te um final de semana cheio de amor e paz!!!!
Deus te abencoe!!
beijooooooooooooo

Betty Branco Martins disse...

.querido_______Alvaro









passa por favor pelo "FRAGMENTOS"___obrigada
bFSemana

Je Vois la Vie en Vert disse...

Já não tenho notícias tuas há muito tempo.
Está tudo bem contigo, querido Álvaro ?
Não gosto muito deste silêncio, espero que seja um silêncio de felicidade e não de dor !

Beijinhos verdinhos

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querido Álvaro,

Agradeço a tua sinceridade, as tuas doces palavras e a confiança com a qual contaste-me os teus bons e maus momentos, eu não estava a espera de tanto porque sabes como respeito a vida pessoal das pessoas. Tiveste que passar por muitas adversidades mas fiquei contente por saber como aguentaste bem estas pedras grandes no teu caminho !
Não liga à difamação porque ainda por cima vem da internet, vem de pessoas que só te conhecem através dum computador e às vezes se escondem atrás do anônimato ou dum pseudo (como eu....mas a diferença é que não me escondo porque exponho os meus sentimentos no meu blog mas preservo-me unicamente) e ninguém tem o direito de te julgar pela tua vida intima, ainda por cima sendo tu uma pessoa tão doce e tão bem educada !
Querido amigo, vou contar-te um segredo : és o meu primeiro amigo homosexual e graças a ti, a minha mente, que podia estar um pouco mais fechada por não perceber certas coisas, abriu-se completamente, porque entendi que é a pessoa que interessa e não a sua maneira de encarar a sexualidade, não é, querido amigo ?
A sexualidade é pessoal e intima e ninguém tem o direito de se intrometer ! O importante é AMAR e seguir os ensinamentos de Jesus.
Voltarei, claro, para ler o teu poema !
Muitos beijinhos verdinhos

cõllybry disse...

Olá, que é feito de Ti amigo?...Tudo bem...

A paixão que corre nas veias, sem aparente razão de ser, mas seu registo está lá na Alma e corpo...

Doce beijo

cõllybry disse...

Olá, que é feito de Ti amigo?...Tudo bem...

A paixão que corre nas veias, sem aparente razão de ser, mas seu registo está lá na Alma e corpo...

Doce beijo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...